terça-feira, 23 de agosto de 2016

"NA PRAIA"

video
Se tudo fosse perfeito,
em paz, com saúde e alegria,
na vida nunca seja desmazelo
assim como hoje aqui foi o dia,
para bronzear o esqueleto!

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

"PELOS CAMINHOS DO CONCELHO DE ODEMIRA"

Um monte em ruínas, próximo de S. Martinho das Amoreiras, Onde vivi não muito tempo. Mas todo o tempo para mim foi muito, porque tinha medo de lá viver. De noite tudo e seu redor para mim era medonho.
O forno onde se cozia o pão nosso para oito dias.
Albufeira de Santa Clara, inaugurada no ano de 1969.
Pelos caminhos do Concelho de Odemira!

"ADIVINHA"

Em cima dela o ponho,
em cima dela o vejo
enquanto não o meto todo
não mato o meu desejo!

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

"18 DE AGOSTO DE 2016"

Depois do sol nascer,
muito antes do sol posto
Praia do Almograve estão a ver
2016, no dia 18 de Agosto!
Enquanto for alentejano,
de ir e voltar tenho esperança e fé
por que não estou mergulhando
dentro d'água estou de pé!

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

"EM BUSCA DO DESTINO"

De férias estou sempre,
mas ainda estou em casa
o meu corpo está em brasa
falta de água salgada sente!

Para a semana lá estarei,
onde estive o ano passado
este ano ainda lá não cheguei
por que não sou apressado!

Descalça não desanima,
 em busca do destino
disso sentirá privilégio
mas, eu cá não a invejo
porque é na Costa Vicentina
não reclamo, bem me sinto
no calor do Alentejo!
(Edumanes)

domingo, 7 de agosto de 2016

"SEM TARIMBA"

Fui pastor, guardei gado,
está calor não o estranho,
porque a ele fui habituado,
bem sei que sou alentejano,
no Alentejo nascido e criado.

  Deitado no chão sem tarimba,
 porque, hoje, não estou inspirado,
para escrever nem prosa nem rima,
descansando à sombra do chaparro!
 (Edumanes)

sábado, 30 de julho de 2016

"SEMENTES, COM PRAZER"

Gerada no tomate,
da semente nasce o tomateiro
na terra semeada o abacateiro
nasce da semente do abacate.

Quando tem de acontecer,
nem sempre quando se quer
das sementes, com prazer
nasce o homem e a mulher!

Sentidas no coração,
germinam com o calor
sementes de amizade
da amizade nasce o amor
do amor nasce a paixão
da paixão nasce a felicidade!

O trigo nasce do grão,
não é invenção minha 
do grão nasce a farinha
da farinha nasce o pão!
(Edumanes)

sexta-feira, 29 de julho de 2016

"NA TERRA E NO MAR"

Se o amigo ajuda o amigo,
então, prova lá que o és,
vem daí comigo
 para o campo ceifar o trigo
na terra sujar os pés!
Nos barcos no cais ancorados,
não embarcam para a guerra
mais marinheiros nem soldados...
Em paz quem nos dera,
sem ódio poder amar
como nunca ninguém amou...
Navegando nas ondas do mar calmo,
não nas ondas do mar alterado
como dantes Vasco da Gama, navegou!
(Edumanes)

quarta-feira, 27 de julho de 2016

"NA PRAIA"

Mote,
Ela despiu o vestido,
quando eu era rapazote
sem tempo ter perdido
a seguir despiu o saiote.

Nos seus olhos li o tema,
olhando, vi beleza nela
eu, escrevi este poema
inspirado no corpo dela.

Até não fiz má figura,
só por isso valeu a pena,
olhando para a belezura
de linda a moça morena.

  Naquele dia lá na praia,
os meus olhos despertaram
de esperança se iluminaram
  ao vê-la despir a mini-saia.

Na areia fui andando,
numa onda tropecei
de biquíni a vi nadando
não sei no que pensei.

Resistindo à tentação,
acalmar a sensação consegui
tinha esperanças mas não vi
  o seu biquíni cair no chão!
(Edumanes)